quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Carta de Juncker

Não comentei aqui a questão da política fiscal no Luxemburgo. São as curiosidades que a política às vezes nos guarda: durante a primeira semana de Juncker, eis que se publica um relatório sobre o facto de o Luxemburgo ser praticamente um paraíso fiscal. Como se isto fosse algo novo. Esperemos que Juncker não se deixe enfraquecer dado que esse era o objectivo.  Numa carta recente que enviou ao Presidente do Parlamento Europeu e a Renzi, Primeiro Ministro da Itália que detém a Presidência da UE, Juncker deixa claro as áreas em que pretende mexer. Desde a estratégia 2020 a uma união energética, mas também passando pela política de vizinhança, as áreas são muitas, e de interesse para Portugal. Esperemos ter uma Comissão forte para o conseguir. E um governo Português forte para assumir uma postura forte mas constructiva.  A carta pode ser lida aqui

Sem comentários:

Enviar um comentário